Como contratar um Agente ou Agência de SEO?

15 de janeiro de 2021

A partir do entendimento do serviço de SEO, enfatizamos que é essencial seu entendimento sobre como contratar a agência que melhor atende às necessidades da sua empresa para tal.

 

Perguntas para fazer antes de contratar uma Agência de SEO

1. Você segue as diretrizes do Google Webmaster?
2. O que diferencia a sua agência das outras que trabalham com SEO?
3. Por quanto tempo a sua agência trabalha com otimização de busca?
4. Quanto de experiência terá meu gerente de contas (atendimento)?
5. Qual é o tamanho do recurso que estou contratando? É em horas? Quantas? É por resultados? Quais?
6. Em relação à comunicação cliente-agência, qual é o tempo de resposta máximo com o qual vocês trabalham?
7. Por quanto tempo devo esperar para começar a ver os primeiros resultados?
8. Quando terei uma projeção de resultados do tempo que estaremos juntos?
9. Receberei relatórios? E com qual frequência?
10. Tem cases de sucesso de clientes de SEO para me apresentar? Se sim, quais palavras-chaves são elas?

 

Além disso, busque no Google os termos que não sejam o “nome da empresa”, mas, sim, um serviço que ela oferece. Exemplo:

Diretrizes do Google

Acompanhe as Recomendações do Google sobre SEO para entender o que é possível ou não nesse tipo de projeto.

1. Tenha cuidado com Empresas de SEO e consultores ou agências na Web que enviam e-mails não solicitados (SPAM) e prometem “resultados rápidos”
Se você receber e-mails não solicitados sobre mecanismos de pesquisa, mantenha o mesmo ceticismo que teria em relação a pílulas dietéticas que “queimam a gordura enquanto você dorme”. Ou, ainda, solicitações para ajudar a transferir o dinheiro de ditadores depostos. Lembramos: Projeto de SEO não é imediatista!

2. Ninguém pode garantir a classificação em primeiro lugar no Google
Cuidado com os SEOs que dizem garantir sua classificação, ter um “relacionamento privilegiado” com o Google ou que anunciam um “envio prioritário” para o buscador. Não existe envio prioritário para o Google, nem parceria com agentes ou agências digitais. Em verdade, a única maneira de enviar um site diretamente ao Google do search console, você pode inserir uma url e pedir a renderização, ou enviar todo o sitemap. Você mesmo pode fazer isso sem qualquer custo.

3. SEO não é magia, cuidado se uma empresa tiver muitos segredos ou não explicar claramente o que pretende
Se algo não estiver claro, peça explicações! Se um Agente de SEO criar um conteúdo fraudulento ou enganoso em seu nome, como páginas de entrada ou domínios “descartáveis”, seu site poderá ser removido do índice do Google. Em última análise, você é responsável pelas ações das empresas que contratar. Por isso, é melhor verificar exatamente como elas pretendem “ajudar” você. Se um SEO possuir acesso ao FTP do seu servidor, ele deverá explicar todas as alterações que estão sendo feitas no seu site.

4. Você não deve ter um link para um SEO
Evite SEOs que falam do poder dos links “gratuitos e para todos”, de esquemas de popularidade de links ou que enviam seu site para milhares de mecanismos de pesquisa. Normalmente, essas ações são inúteis e não afetam sua classificação nos resultados dos principais mecanismos de pesquisa (não de uma forma que você consideraria positiva).

5. Pesquise e escolha com cuidado
Em caso de dúvida em relação a determinado escopo de SEO, pesquise o mercado. Evidentemente, você pode fazer isso no Google. Pesquise por “Agências de SEO” no Google e outros buscadores. Se essas agências tiverem boas práticas, elas mesmas estarão bem posicionadas nas primeiras páginas, e você ainda pode pesquisar sobre a reputação no reclame aqui e em avaliações no google meu negócio.

6. Tente entender o que significa seu investimento em SEO
O Google nunca vende as melhores classificações nos resultados de pesquisa orgânica, mas existem vários mecanismos de pesquisa que combinam os resultados de pesquisa normais com resultados pagos – por clique ou por inclusão. Alguns SEOs prometem que você ocupará as primeiras posições nos mecanismos de pesquisa, mas, na verdade, você aparecerá na seção de anúncios, e não nos resultados de pesquisa. Pergunte ao seu SEO em potencial quais taxas se destinam à inclusão permanente e quais se destinam a anúncios temporários.

Práticas desqualificadas

Pode-se verificar no mercado algumas práticas irregulares aos projetos de SEO. Listamos abaixo algumas delas:

● não distinguir o posicionamento entre resultados de pesquisa verdadeiros e anúncios exibidos nos resultados de pesquisa;
● garantir a classificação, mas somente para frases de palavras-chave longas e obscuras, que você usaria de qualquer forma;
● posicionar o nome da sua empresa, que é algo fácil e simples de ser conquistado, além de não precisar pagar por isso;
● trafegar a partir de “falsos” mecanismos de pesquisa, spyware ou scumware, mas sua palavra não estar posicionada no Google, por exemplo.
● introduzir backlink que não faz sentido ao contexto do projeto ou fazer compra de backlink.

Pontos de atenção Após a contratação

Se você já decidiu com qual agência irá trabalhar é importante que você:

● Exija relatórios mensais e acompanhe seu posicionamento
É necessário que você acompanhe a melhora de posicionamento das palavras-chaves no Google e em outros mecanismos de busca. E existem plataformas como Google Analytics, Search Console, SEM Rush, MOZ e outros que mostram o seu posicionamento. Assim você pode conferir diretamente nessas plataformas se os objetivos estratégicos para o seu site estão realmente sendo atingidos.

● Esteja vinculado nas plataformas estatísticas de seu site
Exija ter acesso, pelo menos, ao Google Analytics e ao Search Console do seu site. Com essas ferramentas é possível acompanhar o desempenho em tempo real, com dados reais e de forma segura. Mas lembre-se de que o retorno de SEO é lento, por isso recomendamos que a análise seja feita de três em três meses, ou mais.

● Acompanhe um cronograma de execução das tarefas de SEO
Um bom projeto de SEO contém diversas tarefas que devem ser realizadas mensalmente e trimestralmente. Estas devem ser acompanhadas e cobradas por você, cliente. As principais agências que oferecem projetos de SEO Completo realizam diversas tarefas mensais, dentre elas, planejamento, acompanhamento de concorrência, implementações técnicas no site (programação), criação de conteúdo (textos e artigos), link building e outras que você pode verificar no presente guia.

Agentes de SEO (freelas) podem trazer resultados satisfatórios?

Existem excelentes freelas no mercado. Porém, um projeto de SEO completo, leva muitas horas mensais, e envolve ao menos 3 profissionais:
1. Analista de SEO
2. Programador
3. Redator

Sendo assim será preciso arcar com o valor dos três profissionais, o que acaba tornando o projeto mais caro. E é por isso é que indicamos trabalhar diretamente com uma Agência, pois no valor pago mensal já será contemplada todas as especialidades normalmente.