Planejamento de Marketing Digital para novos setores: por onde começar?

16 de novembro de 2021

Já falamos sobre o novo mercado de jogos e apostas e qual o potencial desse mercado para o marketing digital. Mas, recentemente, fui questionado sobre como realizar a adaptação dos serviços de marketing para novos segmentos. 

Bem, é fato que nem sempre temos ampla afinidade com o setor de produtos ou serviços de um novo cliente. Fazer um planejamento de Marketing Digital personalizado para um setor que você não conhece tão bem, é desafiador. Mas sempre tem um ponto de partida.

O que você faz quando não domina determinado assunto? 

Você conquistou um novo cliente! Parabéns!
Mas a empresa é de um setor para o qual você nunca fez um projeto parecido… E agora?

Pesquise e reúna o máximo de informações

Comece pesquisando detalhadamente o setor do novo cliente: como está o mercado e suas projeções, concorrentes, perfil do público, tendências e comportamentos. Troque ideias com colegas de profissão mais experientes no setor.

Organize e analise os dados

Depois, faça aquele briefing caprichado com seu novo cliente, de preferência, com “pessoas-chave”, que atuam no planejamento e operação do negócio.Assim, você terá uma visão melhor do projeto sob vários ângulos. 

Faça a imersão no setor em diversas frentes. Como citei, você precisa de muita pesquisa em canais de comunicação diferentes, dados do mercado, benchmarking com a concorrência, networking e troca de experiências com profissionais, participação em eventos e, tudo isso, com o máximo possível de óticas e interpretações de pessoas que já estão no segmento.

Aqui na Control F5 a captação de informações é prioridade. Toda a equipe, do atendimento ao designer, são envolvidos nas etapas do processo e, ao mesmo tempo, fazem sua imersão particular.

Isso tudo transforma-se no planejamento estratégico inicial. Digo planejamento inicial, porque todo plano é vivo, precisa de reanálises e correções de rotas ao longo do tempo.

Foi desafiador entrar no segmento de jogos e apostas esportivas. É um setor que ainda sofre preconceito, mas está na cultura brasileira e vem crescendo a cada ano. O marketing digital tem sido o braço direito das empresas que iniciam suas operações em nosso país.

Por onde começar a desbravar novos cenários?

Sempre acho melhor começar a pesquisa em entidades e mídias especializadas no setor. Algumas destas entidades sempre organizam eventos. É sempre mais fácil beber da fonte original de informações. Além de ter acesso a uma vasta oferta de conteúdo, ainda é possível fazer aquele bom networking, conhecendo pessoas que já estão no segmento. Assim, você pode conseguir informações mais exatas, perguntando diretamente aquilo que precisa saber.

Além disso, faça pesquisas em  outros nichos. Mercados externos sempre são interessantes para colher mais informações, sem o “empecilho” de concorrência direta. 

Outra dica importante é: nunca subestime o poder das redes sociais. Reserve um tempo para navegar nas redes sociais das marcas, dos players, de seus contatos para entender melhor o que fazem e o que falam. Desta forma, você pode pescar informações importantes e, principalmente, encontrar pontos de conexão que ajudem em seu networking.

Gostou do conteúdo do artigo? Estou à disposição para batermos um papo e falarmos com um pouco mais de profundidade sobre o assunto. Por isso, deixo meu contato aqui caso queira trocar conhecimento a respeito do tema. 

Meu e-mail: andre.alves@controlf5.com.br